Compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Tumblr Social Icon
  • Instagram
  • RAN

Sem Kim no poder, aumenta temor sobre instabilidade na Coreia do Norte

Rumores sobre o estado grave de saúde do Líder Supremo geram preocupações sobre vácuo de poder no país, que mantém ativo seu programa nuclear

Rumores sobre a saúde do ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, despertaram preocupação sobre uma possível uma crise de instabilidade no país, gerada pelovácuo de poder. Especialistas afirmam que, caso Kim esteja impossibilitado de continuar no governo, o mais provável é que ele seja substituído por alguém de sua própria família, já que a linhagem de sangue é muito importante no país. O período de mudança, contudo, pode ter consequências.


Segundo fontes da Inteligência americana, o ditador de 36 anos está hospitalizado em estado crítico após ter sido submetido a uma cirurgia cardiovascular no início do mês. A informação foi desmentida por autoridades da Coreia do Sul e da China, mas ainda assim gerou grande especulação mundial sobre o futuro da Coreia do Norte. O regime ainda não se pronunciou oficialmente.


Portal VEJA

12 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2023 por AsHoras. Orgulhosamente criado com Wix.com