Compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Tumblr Social Icon
  • Instagram
  • Ricardo Adriano do Nascimento

Pix Saque e Pix Troco têm início nesta segunda-feira; saiba como vão funcionar


O Banco Central implementa, nesta segunda-feira (29), duas novas ferramentas de método de pagamento instantâneo: o Pix Saque e o Pix Troco.


O primeiro permite que todos os clientes consigam sacar dinheiro de um ponto de venda qualquer, como uma loja de bairro, uma padaria ou um supermercado.


Funciona assim: o usuário chega no estabelecimento e informa o valor desejado para saque. Em seguida, o comerciante gera um QR Code, para o qual o cliente aponta a tela do celular e faz o Pix. Após a transferência, ele recebe o dinheiro físico do valor depositado.


O Pix Troco funciona de forma semelhante. A diferença é que o saque vem acompanhado de uma compra no estabelecimento, para a qual o cliente pode solicitar o troco em dinheiro físico. No final, um extrato comprovará a transação, que será computada pelo Banco Central.


Agentes de saque

A partir desta segunda-feira, os comércios já podem solicitar ao Banco Central para serem agentes de saque e troco. Após a solicitação, eles deverão se adaptar, disponibilizando, por exemplo, um QR Code para ofertar os serviços.


Informações sobre quais comércios aderiram à ferramenta para serem agentes de saque serão publicadas no portal de dados abertos do BC.


Além disso, a autoridade monetária vai possibilitar a funcionalidade por geolocalização. Isso significa que o usuário pode abrir o aplicativo do banco no qual tem conta e olhar através de um mapa o estabelecimento mais próximo para saque.


Vale ressaltar que além de comércios locais e estabelecimentos, os caixas eletrônicos também fornecerão essa opção de saque.

11 visualizações0 comentário