Compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Tumblr Social Icon
  • Instagram
  • Ricardo Adriano do Nascimento

Liturgia da Palavra de hoje (8)

Primeira Leitura (Gn 3,9-15.20)


Leitura do Livro do Gênesis:


Depois que Adão comeu do fruto da árvore, 9o Senhor Deus o chamou, dizendo: “Onde estás?” 10E ele respondeu: “Ouvi tua voz no jardim, e fiquei com medo porque estava nu; e me escondi”.

11Disse-lhe o Senhor Deus: “E quem te disse que estavas nu? Então comeste da árvore, de cujo fruto te proibi comer?”

12Adão disse: “A mulher que tu me deste por companheira, foi ela que me deu do fruto da árvore, e eu comi”. 13Disse o Senhor Deus à mulher: “Por que fizeste isso?” E a mulher respondeu: “A serpente enganou-me e eu comi”.

14Então o Senhor Deus disse à serpente: “Porque fizeste isso, serás maldita entre todos os animais domésticos e todos os animais selvagens! Rastejarás sobre o ventre e comerás pó todos os dias de tua vida! 15Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e a dela. Esta te ferirá a cabeça e tu lhe ferirás o calcanhar”. 20E Adão chamou à sua mulher “Eva”, porque ela é a mãe de todos os viventes.


- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.


Responsório (Sl 97)


— Cantai ao Senhor Deus um canto novo, porque ele fez prodígios!

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo, porque ele fez prodígios!


— Cantai ao Senhor Deus um canto novo,/ porque ele fez prodígios!/ Sua mão e o seu braço forte e santo/ alcançaram-lhe a vitória.

— O Senhor fez conhecer a salvação,/ e às nações, sua justiça;/ recordou o seu amor sempre fiel/ pela casa de Israel.

— Os confins do universo contemplaram/ a salvação do nosso Deus./ Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira,/ alegrai-vos e exultai!


Segunda Leitura (Ef 1,3-6.11-12)


Leitura da Carta de São Paulo aos Efésios:


3Bendito seja Deus, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo. Ele nos abençoou com toda a bênção do seu Espírito em virtude de nossa união com Cristo, no céu. 4Em Cristo, ele nos escolheu, antes da fundação do mundo, para que sejamos santos e irrepreensíveis sob o seu olhar, no amor. 5Ele nos predestinou para sermos seus filhos adotivos por intermédio de Jesus Cristo, conforme a decisão de sua vontade, 6para o louvor da sua glória e da graça com que ele nos cumulou no seu Bem-amado.

11Nele também nós recebemos a nossa parte. Segundo o projeto daquele que conduz tudo conforme a decisão de sua vontade, nós fomos predestinados 12a sermos, para o louvor de sua glória, os que de antemão colocaram sua esperança em Cristo.


- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.


Anúncio do Evangelho (Lc 1,26-38)


— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.

— Glória a vós, Senhor.


Naquele tempo, 26o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, 27a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da Virgem era Maria.

28O anjo entrou onde ela estava e disse: “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!” 29Maria ficou perturbada com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação.

30O anjo, então, disse-lhe: “Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. 31Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus. 32Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi. 33Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim”.

34Maria perguntou ao anjo: “Como acontecerá isso, se eu não conheço homem algum?”

35O anjo respondeu: “O Espírito virá sobre ti, e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra. Por isso, o menino que vai nascer será chamado Santo, Filho de Deus. 36Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril, 37porque para Deus nada é impossível”.

38Maria, então, disse: “Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!” E o anjo retirou-se.


— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.


Homilia


Salve, Maria, ó toda cheia da graça divina, plena da graça do Senhor. Celebrando, hoje, a grande Solenidade da Imaculada Conceição de Maria, olhamos para Aquela que nós também devemos ser, porque, o anseio de Deus, o desejo mais profundo do coração d’Ele é uma humanidade imaculada, limpa e purificada de toda a mácula do pecado.


Quando olhamos para Maria, vemos n’Ela o protótipo do que é a Igreja, daquilo que é o homem e a mulher que nasceu no plano original de Deus. Deus não nos criou manchados nem no pecado, Ele não nos criou no erro. Deus, no princípio, criou o homem e a mulher à Sua imagem e semelhança, e o pecado não é imagem nem semelhança de Deus. O pecado é o desvirtuamento da graça de Deus em nós.


O desvirtuamento da graça é uma desgraça, somos os degradados filhos de Eva que nos manchamos por aquilo que os nossos primeiros pais lançaram sobre a humanidade. Não é difícil entender que um ar poluído polui todo o ambiente, não é difícil entender que aquilo que contamina, o vírus que se passa, passa-se para todos aqueles que são contaminados por ele.


Se nos desvirtuamos em algum caminho de pecado, tenhamos em Maria uma seta que nos indica o caminho da graça

Deus não nos quer contaminados pelo pecado, pelo contrário, Ele nos quer salvos e redimidos. Maria foi preservada desde a Sua concepção no ventre de Sua mãe sem essa marca, sem essa contaminação do pecado. Não foi por Ela, foi em vista do Seu Filho, aquele que é o Salvador.


O primeiro que Jesus redimiu foi a Sua própria Mãe, Aquela da qual Ele nasceria do ventre. A salvação que Ele operou por antecipação em Maria, Ele deseja também operar em nós.