Compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Tumblr Social Icon
  • Instagram
  • RAN

Coronavírus: Qual o risco de infecção por roupas, calçados e barba?

Especialistas sugerem que é improvável a contaminação a partir de partículas presentes em superfícies

Eu posso ou não posso me infectar se o novo coronavírus entrar em contato com minhas roupas, meus calçados, meu cabelo, etc? Especialistas em infectologia alegam que não. Médicos e cientistas de todo o mundo analisam o comportamento do vírus no ambiente e afirmam que é pouco provável que alguém se contamine com as pequenas partículas que atingem o corpo.


O coordenador científico da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) Sergio Cimerman é um defensor da tese e alerta para um problema maior, o pânico desnecessário que muitas pessoas estão tendo em relação a preocupações menores em detrimento aos cuidados que elas deveriam de fato tomar. “Se pegar esses pontos isolados, isso pode gerar fake news”, afirmou em entrevista a VEJA.


Cimerman exemplifica. “Vamos supor que essas partículas fiquem na calça. Alguém lambe calças? Alguém vai comer o sapato? Esse tipo de preocupação atrapalha as medidas que deveríamos ter de lavar as mãos sempre, usar o álcool em gel e as máscaras. Se ater a isso é o importante”.


Então, afinal, estamos seguros? Não é bem assim. Apesar de haver um pequeno risco de transmissão por vestimentas e pelos corporais, a principal área de infecção é pelas mãos. Por isso, é necessário sempre mantê-las higienizadas para não se contaminar. Elencamos as principais dúvidas sobre os cuidados que devem ser tomados para fugir da Covid-19.

Portal Veja

43 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2023 por AsHoras. Orgulhosamente criado com Wix.com