Compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Tumblr Social Icon
  • Instagram
  • RAN

As mortes que levaram província chinesa a fechar suas pontes de vidro


Uma província chinesa decidiu fechar, pelo menos temporariamente, todas as suas 32 cada vez mais famosas atrações de vidro — incluindo pontes, passarelas e mirantes —, para inspeções de segurança.


As atrações, espalhadas por 24 locais na província de Hebei, estão fechadas desde março de 2018, segundo a emissora estatal CCTV, mas só agora a medida foi divulgada oficialmente.


A China teve uma onda de atrações do tipo em todo o país — mas, desde então, aconteceram acidentes e pelo menos duas mortes.

Existem cerca de 2.300 pontes de vidro na China. De acordo com a mídia estatal ECNS, também há um "número indeterminado de passarelas e tobogãs de vidro".


As atrações de vidro são uma tentativa de entreter turistas que buscam adrenalina e capitalizar o crescente turismo doméstico da China.


Tendência e mortes


Quem provavelmente iniciou a tendência foi a ponte de Zhangjiajie, na província de Hunan. Quando foi inaugurada, em 2016, era a ponte mais alta e longa com fundo de vidro no mundo.


Mas, no início deste ano, um turista morreu e outros seis ficaram feridos depois de cair de um escorregador de vidro na província de Guangxi.


MSN-Notícias

7 visualizações0 comentário

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2023 por AsHoras. Orgulhosamente criado com Wix.com