Compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Tumblr Social Icon
  • Instagram
  • RAN

Após reunião com Bolsonaro, Mandetta diz que fica no Ministério da Saúde

Ministro afirmou que o inimigo tem nome e sobrenome e se chama Covid-19, pediu 'paz' para trabalhar e disse que a sua equipe passou o dia 'limpando gavetas'

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse em entrevista coletiva na noite desta segunda-feira, 6, que não vai deixar o cargo apesar dos atritos que vem tendo com o presidente Jair Bolsonaro. “Nós vamos continuar, porque continuando a gente vai enfrentar o nosso inimigo. E o nosso inimigo tem nome e sobrenome. É a Covid-19″, disse. E repetiu uma frase que já havia usado em outras ocasiões. “Médico não abandona paciente, e eu não vou abandonar”.


Acompanhado dos principais membros de sua equipe, Mandetta revelou que havia a intenção de todos deixarem o governo caso ele saísse – os membros da mesa concordaram – e disse que hoje foi “um dia muito difícil para trabalhar” porque parte dos membros da pasta estavam “limpando gavetas”.


3 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2023 por AsHoras. Orgulhosamente criado com Wix.com